sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Alta Frequência

Trata-se de um equipamento que produz uma descarga elétrica, que é responsável pela produção de Gás de Ozonio (O3), gás este que apresenta propriedades bactericida, bacteriostática e fungicida. A aplicação direta da descarga elétrica sobre a pele ou sobre uma lesão produz a hemostasia (detenção de um fluxo sanguínio ou hemorragia), promove a cauterização e aquecimento do tecido onde se faz a aplicação, aumentando desta forma o metabilismo e a oxigenação das células.
Podemos utilizar a alta frequência nos tratamentos de onicomicose, verruga plantar, tinea interdigital.
 Mas deve-se observar as contra-indicações no uso da mesma nos casos de:
Portadores de marca passo, gestantes, portadores de próteses metálicas, nas alterações de sensibilidade, nas neoplasias (tumores), regiões que apresentem manchas de coloração e espessura alteradas e nas regiões onde a pele esteja úmida e/ou com produtos que contenham substâncias inflamáveis.



 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Podólogos são aqueles que cuidam e atuam na investigação, prevenção, prognóstico da saúde e estética dos pés. O podólogo detecta o problema e oferece tratamento, mas em muitos casos trabalha em conjunto com dermatologistas e ortopedistas.